bloco do player

Subscribe Us

Belford Roxo discute desafios da segurança alimentar e nutricional

Ampliando o olhar para os avanços e desafios do combate à fome. 

A Prefeitura de Belford Roxo, através da Secretaria de Assistência Social, Cidadania e Mulher, promoveu nesta quarta-feira (26-10) um diálogo sobre a Segurança Alimentar e Nutricional do munícipio, no Teatro da Cidade. O evento ocorreu em conjunto com o Conselho Nacional Segurança Alimentar e Nutricional do Estado do Rio de Janeiro (CONSEA/RJ).

Mais de cem pessoas participaram da reunião que contou com a presença de autoridades de diversas Secretarias do município, conselheiros da segurança alimentar nutricional, servidores que compõem o sistema social, sociedade civil e usuários dos equipamentos da assistência social.

A presidente do CONSEA/RJ, Renata Machado, apresentou ao público um panorama do que vem sendo realizado no Estado do Rio. “Agradeço o convite para discutir esse tema tão relevante. Precisamos abordar pontos primordiais da insegurança alimentar que precisam de visibilidade para aplicarmos melhorias”, informou. “Estamos enfrentando um cenário que nos coloca de volta ao mapa da fome e nosso trabalho é promover soluções que mudem essa realidade”, finalizou Renata.

De acordo com a secretária de Assistência Social, Cidadania e Mulher, Brenda Carneiro, é essencial dar visibilidade para o tema. “Temos diversas secretarias mobilizadas na busca de capacitação e solução para o município. A integração de todos nessa luta é fundamental para trabalhar e levar segurança à população”, disse. “Nossos equipamentos como o CRAS, CREAS, Ceambel com o apoio da sociedade civil estão sempre à disposição para proteger as famílias mais vulneráveis”, concluiu Brenda.

Hortas populares

O presidente do CONSEA de Belford Roxo, Manuel Martins Guedes, pontuou sobre o assunto. “Esse evento agrega muito à segurança alimentar e reforça as políticas públicas contra a fome”, contou. “Vale lembrar que realizamos diversas parcerias, como o sacolão, para levar comida aos que necessitam. Em breve, teremos a implantação de hortas populares dentro dos equipamentos da assistência social”, completou Manuel.

A secretária especial de Assistência Social e Segurança Alimentar, Carla Fernandes, frisou que a discussão faz toda diferença para executar melhorias. “A proposta da reunião ampliada foi fazer uma interlocução entre o Sistema Único de Assistência Social (SUAS) e o Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (SISAN). Levantamos aqui questões essenciais para articulação de novas políticas públicas no município, com diálogos e grupos temáticos”, disse. “Abrimos o espaço para todos os profissionais presentes. Conseguiremos assim promover a segurança alimentar imprescindível para atuar na assistência das famílias do município”, frisou Carla. 

Redação: Radio e Jornal A Voz do Povo.

sua força online.
Curtam a nossa página no facebook.
Sigam nosso canal no You Tube

Direção: Jornalista Marcio Carvalho.

   

Postar um comentário

0 Comentários

Postagem em destaque

Polícia prende dois homens com celulares roubados em Belford Roxo.