bloco do player

Subscribe Us

Belford Roxo tem a primeira escola intercultural Brasil-Rússia.

O município de Belford Roxo, na Baixada Fluminense, acaba de ganhar o primeiro polo de educação intercultural Brasil-Rússia do país. 

Nesta semana, a Secretaria Estadual de Educação (Seeduc) inaugurou o Colégio Estadual Tenente Otávio Pinheiro no bairro do Sargento Roncalli. A iniciativa integra o programa de escolas interculturais da Seeduc. O programa foi idealizado em parceria com o consulado-geral da Rússia e a UFRJ. Os alunos matriculados na unidade escolar vão aprender russo com foco em geopolítica, e em turno integral.


Ao todo, a Baixada conta com cinco colégios com o projeto de escola intercultural. Os outros são:


Ciep 117 – Carlos Drummond de Andrade, em Nova Iguaçu, que é intercultural Brasil-Estados Unidos;

Ciep 218 – Ministro Hermes Lima, em Duque de Caxias, Brasil-Turquia.

Ciep 097 – Carlos Chagas Brasil, uma parceria Brasil-China, inaugurado na semana passada, em Duque de Caxias.

Itaguaí receberá este ano o projeto de escola intercultural Brasil-Japão, no Colégio Estadual José Maria de Brito.

O secretário de Educação, Alexandre Valle, destacou que o programa é implementado nas unidades escolares da rede estadual que possuem a menor infrequência.


“Tenho certeza que o programa é grandioso. Não há nenhuma dúvida que colheremos bastantes frutos com histórias de superação dos nossos alunos. Vai muito além do que só aprender o idioma russo, é para que os estudantes da rede conheçam a cultura, a origem e os costumes desse povo” , declarou o secretário.

O Cônsul Geral da Federação da Rússia no Rio de Janeiro, Vladimir Gueorguievich Tokmakov, agradeceu a iniciativa da Secretaria de Estado de Educação em proporcionar o aprendizado do idioma e da cultura do seu país para os alunos da rede pública.

“A partir de agora, vocês estudantes poderão conhecer melhor a cultura, as origens e tradições deste país. E irão notar que somos bem parecidos. A Rússia possui 85 unidades federadas, e tem cerca de 150 milhões de habitantes” , disse o cônsul.

A escola ainda tem oferta de vagas para matrícula. Com a nova grade curricular, os estudantes vão ter oito tempos de ensino de russo, mais até que de língua portuguesa (são quatro). Serão dois tempos para o ensino da língua russa e o restante é dividido em duas disciplinas que trabalham a questão cultural com foco em geopolítica. 

Redação: Radio e Jornal A Voz do Povo.
sua força online.
Curtam a nossa página no facebook.
Sigam nosso canal no You Tube

Direção: Jornalista Marcio Carvalho.

Postar um comentário

0 Comentários

Postagem em destaque

Polícia prende dois homens com celulares roubados em Belford Roxo.